Sistema CFB/CRB Conselho Federal de Biblioteconomia Conselho Regional de Biblioteconomia

CRB15 - Conselho Regional de Biblioteconomia 15ª Região

Notícias/Novidades

23/05/2012 - Presidente da Câmara Mineira do Livro fala ao CRB-6 sobre a Bienal do Livro de Minas

Começou no dia 18 de maio, a Bienal do Livro de Minas, evento que está em sua terceira edição, e que garante passe livre a todos os bibliotecários mineiros. O evento será encerrado no próximo dia 27 de maio e contará com cinco programas para atender públicos distintos, desde o infanto-juvenil aos apaixonados por futebol. Várias personalidades, dentre elas, Sandra Annenberg, Murilo Rosa, Maurício Kubrusly, Thalita Rebouças, Pedro Bandeira e Zuenir Ventura já confirmaram presença na Bienal.

E para endossar a importância desse evento, o CRB-6 conversou com Zulmar Wernke, presidente da Câmara Mineira do Livro. Na breve entrevista, Wernke fala sobre o tratamento diferenciado dado aos bibliotecários na Bienal, sobre o incentivo ao hábito da leitura e, ainda, sobre a expectativa do evento neste ano.

1. Os bibliotecários têm acesso livre na Bienal do Livro de Minas. Por que o tratamento diferenciado?

Tanto os bibliotecários como os professores e profissionais do livro têm acesso franqueado à Bienal. Na visão da Câmara Mineira do Livro e da Fagga, nosso parceiro, o bibliotecário tem uma participação decisiva no fomento à leitura e construção de novos leitores. Estes profissionais são protagonistas e espectadores ao mesmo tempo. Se, por um lado, se servem do espetáculo que o evento oferece, por outro são os maiores interessados no sucesso do fomento à leitura e acesso ao livro. Este é o principal objetivo da Bienal do Livro de Minas.

2. Recentemente foi divulgado os resultados da pesquisa "Retratos da Leitura no Brasil", que aponta, dentre outros fatores, que o índice de brasileiros que prefere ler no seu tempo livre caiu de 36% entre 2007 para 28% em 2011. Você acredita que a Bienal pode ser um meio de chamar a atenção do público para o hábito da leitura?

Sim. Os eventos culturais promovem o ingresso do livro no cotidiano de pessoas que ordinariamente não vão a livrarias ou não se interessam pelo livro e pela leitura. Entendemos que o excesso de atividades com as quais as pessoas se comprometem, oriundas das exigências profissionais, lhes roubam a oportunidade de cuidar de sua formação pessoal, tanto no aprofundamento de um assunto de seu interesse como no aprofundamento do hábito da leitura. Ao visitar um evento como a Bienal do Livro de Minas, os leitores se encontrarão com escritores e assuntos que muito leram ou se sentirão desafiados pela abundância de conteúdo ofertado.

3. Quais os resultados que a organização do evento espera para a edição desse ano?

Temos uma perspectiva de realização de negócios com valores próximos a 13 milhões de reais e presença de público de 250 mil visitantes. Acrescentamos atividades especiais como “Livro Encenado”, “Bienal em Quadrinhos”, “Território Jovem” e “Mundo dos Livros”, além das que já existiam em outros anos. Desde a realização do primeiro Salão do Livro, nossos eventos literários têm obtido um constante crescimento, de forma a não poder permanecer na Serraria Souza Pinto. Ao transformar-se em Bienal, em 2008, um público recorde foi registrado na última edição. Para este ano, entendemos que a perspectiva se mantém, pois o investimento na divulgação foi triplicado, ninguém em Minas Gerais pode ficar privado desta grande oportunidade.

SERVIÇO
Bienal do Livro de Minas - 18 a 27 de maio
Expominas - Centro de Feiras de Minas Gerais George Norman Kutova
Avenida Amazonas, 6030 - Gameleira - Belo Horizonte (MG)
Site: http://www.bienaldolivrominas.com.br/

zulmar-wernke.jpg


 

 

 

 

 

  

Zulmar Wernke e José de Alencar Mayrink, organizadores da Bienal do Livro de Minas

 




Notícias Arquivadas




Conselho Regional de Biblioteconomia 6º Região MG/ES
Avenida Afonso Pena, 867/1112 - Centro - Belo Horizonte - MG | 30130-002
Telefones: (31)3222-4087 | 3224-8355 | 3213-5644 | E-mail: crb6@crb6.org.br